sábado, 14 de janeiro de 2012

O teu rosto - visão da face do Senhor Jesus

Esta noite tive um sonho alegre, para compensar todas as tristezas que tenho sentido.
Esta noite tive um sonho, que encheu-me de esperança e luz, mesmo andando em um deserto.
Sonhei que vi teu rosto, por um breve instante, é verdade, mas o vi claro como a luz do dia, limpo como um céu sem nuvens.
Tu sabias o quanto eu te amava, soube disso pelo teu olhar.
Tu sabias o quanto ansiava por te ver, soube disso pelo teu sorriso.
Teu sorriso era calmo e sábio, e teus olhos também sorriam.
E tu sabias o quão alegre eu estava por te ver sorrir.
Teu sorriso era acolhedor, e teus olhos eram um templo.
Um templo onde eu podia me abrigar, um templo de eternidade.
Teus olhos me davam paz, e me consolavam. Eu soube que tudo valeria a pena se eu pudesse ver para sempre teu olhar.
Em tua face só havia verdade, e repouso. Não havia resquício de tristeza ou dor, embora eu soubesse a imensa dor que suportaste.
Numa fração de segundos vi teu rosto, que eu espero poder ver pela eternidade.
O sonho acabou, e então inconsolável me vi, pois ao acordar, não me lembrava mais de tua face.
Mas a melancolia durou apenas por um momento, pois tive certeza de que, um dia, o sonho se realizaria. E isso me dá segurança para seguir em frente, mesmo numa vida em que sonhos como esses são incomuns.
E o que tenho sentido hoje é vontade de agradecer, por tudo que és, por tudo que tens feito, pelo teu amor, por existir.
Espero um dia ver tua face, Senhor Jesus. Só tua graça me basta, e nada mais quero.
Seja feita a tua vontade.
Te amo acima de tudo e de todos.
Continue me guiando, com amor,
Tua filha.

"Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face." 

(1 Coríntios 13:12)


Nenhum comentário:

Postar um comentário